• Facebook
  • Instagram

Antônio de Pádua

 

Bacharel em trompete pela UFPB, professor de trompete e cavaquinho do Instituto de Música Waldemar de Almeida-RN. Foi integrante da Orquestra Metalúrgica Filipéia com a qual participou do Festival de Música de Belfort-França 2002, entre outros festivais regionais. De 2009 a 2015 foi o maestro e arranjador da Banda Independente da Ribeira, orquestra tradicional de frevo de Natal-RN. Dirigiu o Prêmio do Jornal Diário de Natal, nos anos de 2006 e 2007.Em 2004 gravou seu primeiro Cd Solo instrumental intitulado de Sentimento Nordestino, e em 2008 o seu 2º Cd intitulado “Um olho no peixe, o outro no gato”. Em 2009 gravou seu 1º DVD. Gravou no Teatro Riachuelo-RN em 2013 o seu 2ª DVD, que teve participação de 21 músicos da cidade e do artista Antônio Nóbrega. Em 2016, gravou seu 3º Cd “All Black”, um projeto que traça um paralelo entre as raízes da música popular Brasileira e da música popular Norte-Americana.

Vencedor dos prêmios: Hangar 2002; COSERN, “Quarta musical” em 2006; Prêmio Diário de Natal 2007; Prêmio Hangar 2010 de melhor instrumentista.Participou da primeira edição do projeto “Música no Ar” 2013, com o seu show “Griôs” (Big Band). Participou com show instrumental do Festival de Jazz e Blues de Guaramiranga e do BNB Cultural Fortaleza- CE, Cascavel Jazz-PR, VI Mercado Cultural de Salvador-BA, Feira Música Brasil 2010/MG e do Festival Música do Mundo/João Pessoa. Foi artista convidado do projeto “Na Mira da Música Brasileira”, apresentando suas músicas no auditório de Ibirapuera em São Paulo. Em 2014, participou como artista convidado do Projeto 4º MPB JAZZ, com músicos de New Orleans. Em 2013, fez sua primeira Turnê internacional, ministrando workshop na Universidade de Jazz de Graz-Áustria, e apresentando suas músicas com diferentes formações instrumentais na Áustria (Viena, Graz, Klagenfurt, Gemund e Villach), e na França (Paris, Grenoble e Fontaine). Em 2017, tem como projeto principal, a finalização a primeiro volume do seu método unificado de Trompete, Cavaquinho, Padeiro e Violão 7 Cordas, “Métodos Brasileiros”, que é extensivo para todos os instrumentos. E entre os meses de julho e setembro fez sua segunda Turnê pela Europa mostrando a versatilidade e profissionalismo de um músico que aos poucos vem conquistando seu trabalho no cenário nacional e internacional.